Proposta de sequência didática com o uso de tecnologias digitais para o desenvolvimento do letramento científico

  • Monalisa Lais Oliveira da Silva (MPNTDE/UniCarioca)
  • Melissa Tais Oliveira da Silva (MPNTDE/UniCarioca)
  • Arnaldo Barbosa de Melo Filho (MPNTDE/UniCarioca)
  • André Cotelli do Espírito Santo (UniCarioca/NUCAP/ IEN/CNEN)
  • Ana Paula Legey (UniCarioca/NUCAP/ IEN/CNEN)
Palavras-chave: Letramento Científico; Sequência Didática; Tecnologias Digitais; Espaços Não formais; Educação Ambiental

Resumo

Este artigo objetiva elaborar uma proposta de Sequência Didática que fará uso de duas tecno-logias digitais, a qual será capaz de contribuir de forma positiva para a formação de alunos letrados cientificamente e que poderá ser adotada em espaços não formais de aprendizagem. O artigo apresenta uma fundamentação teórica que disserta sobre o Letramento Científico nos anos iniciais do ensino fundamental, articulando esse conceito com o de espaços não formais de aprendizagem e Educação Ambiental. Como metodologia, os autores deste artigo realiza-ram uma visita ao Sítio Roberto Burle Marx para refletir sobre a elaboração de uma Sequência Didática que proponha uma pesquisa de campo no local, com a utilização de dois recursos tecnológicos. Foi realizada também uma descrição e análise das duas tecnologias utilizadas e, por fim, uma reflexão sobre as oportunidades oferecidas por esta atividade para a promoção do letramento científico nas escolas. Concluiu-se, por meio dos resultados apontados, que a Sequência Didática elaborada poderia ser um dos caminhos percorridos pela escola para contribuir no desenvolvimento de alunos letrados cientificamente, por meio de reflexões de forma democrática e com uma postura crítica diante dos problemas de seu tempo e de seu espaço.

Publicado
2018-03-21