COMUNICAÇÃO AUDIOVISUAL EM TEMPOS DE PANDEMIA

AS MÍDIAS SOCIAIS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

  • Tharcila de Abreu Almeida Mestranda em Novas Tecnologias Digitais na Educação (UNICARIOCA) https://orcid.org/0000-0002-7429-0421
  • Ana Paula Legey de Siqueira Professora no Centro Universitário Unicarioca / Pesquisadora Colaboradora na área de Divulgação Científica no Instituto de Engenharia Nuclear / Doutora em Divulgação Científica (IEN/CNEN) https://orcid.org/0000-0002-9056-9844
  • Luciane Conrado Pesquisadora e Professora no Centro Universitário Unicarioca / Cientista Social (UFRJ) / Mestre em Ciência da Arte (UFF) / Doutora em Letras (Linguística – Estudos das Linguagens – UFF) https://orcid.org/0000-0002-1487-5401
Palavras-chave: Educação Infantil, Afetividade, Comunicação audiovisual, Mídias digitais

Resumo

Este relato de experiência objetivou investigar a importância da comunicação audiovisual, por meio de mídias sociais digitais, para manter o vínculo afetivo com as crianças na Educação Infantil, amenizando os impactos causados pelo distanciamento social em tempos da pandemia da Covid-19. A metodologia utilizada foi pesquisa exploratória, através de questionário estruturado, onde o público alvo foi professores da Educação Infantil. Concluímos com esse estudo que a manutenção do vínculo afetivo entre escola e família nesse período do isolamento foi importante e que recursos audiovisuais, por meio de mídias sociais, foram facilitadores dessa comunicação. Evidenciamos ainda que existe uma necessidade de uma formação continuada dos professores da educação infantil para que estes possam ter habilidades para fazer suas próprias produções audiovisuais digitais para assim encantar e aproximar os alunos e famílias às escolas. 

Referências

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: MEC, 2017. Disponível em: https://basenacionalcomum.mec.gov.br/a-base
CABRAL, Nataly C. de A. ARANTES, Sheila da S. F. PIRES, Thiago C. COTELLI, André. MÓL, Antônio Carlos. LEGEY, Ana Paula. JOGO DIGITAL EM PROPOSTA DE SEQUÊNCIA DIDÁTICA PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL: AVALIAÇÃO SOB O PONTO DE VISTA DOS PROFESSORES. Revista Carioca de Ciência, Tecnologia e Educação. V.3, n.1, 2018.
GALVÃO, Izabel. Henri Wallon: uma concepção dialética do desenvolvimento infantil. 4ª. ed. Petrópolis (RJ): Vozes, 1998.
LUDKE, MENGA. ANDRÉ, MARLI E.D.A. Pesquisa em Educação: abordagens qualitativas, São Paulo: EPU, 2011.
PRENSKY, Marc. Nativos digitais, imigrantes digitais. On the horizon, v.9, n.5, p.1-6, 2001.
RINALDI, Marcio. Processos e procedimentos na realização da obra audiovisual: o fim é o começo de tudo. Revista Belas Artes, São Paulo, n. 4, 2010.
Publicado
2020-09-29